Tome uma atitude e mude você mesmo

tumblr_lbtqinF98B1qd1bqoo1_500_largeEm 2ª Reis lemos a história de Naamã, chefe do exército do rei da Síria. A Bíblia diz que ele era um herói de guerra, mas tinha um “porém”: ele era leproso. Qual é o seu “porém”? O “porém” de alguns é mais superficial ou pode ser uma questão emocional profunda.

Muitas de nós carregamos marcas causadas pela família, por vivências, por palavras, por relacionamentos. A lepra de Naamã era o limite dele; a lepra não lhe permitia ir além, sua expectativa de vida era pequena.

Algumas marcas do passado nos aprisionam, nos impedem de crescer, limitam nossos sonhos e expectativas de vida e trabalho. O sofrimento se torna maior do que somos. Às vezes Deus não tira totalmente a lepra das nossas vidas porque Ele precisa nos tornar frágeis para nos curvarmos diante d’Ele.

A insensibilidade e o orgulho são fortalezas que produzem marcas profundas e nos impedem de receber as promessas de Deus. Precisamos nos humilhar e deixar o orgulho de lado. Ele vai fazer do jeito que Lhe apraz para nos ensinar; deixe-O agir da forma que Ele quiser.

O orgulho separa as pessoas, pois estas estão cada vez mais egoístas, feridas, insensíveis e, conseqüentemente, orgulhosas, olhando mais para si mesmas do que para os outros, distantes da humildade que Deus nos ensina.

Tenha esperança que Deus pode fazer diferença na sua vida; pare de olhar para os outros e mude a você mesma. Deus quer lhe dar um novo começo e, assim como fez com Naamã, curar todas as lepras do seu coração!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *